Uam!..Uam!..
surge a máquina possante...
parece dizer :
sou exuberante...
atraente...
poderosa...
O tempo volta ao passado
e me vem na lembrança
a doce memória da
infância.
Numa pequena estação ferroviária
o pai e as três irmãs
iriam embarcar
em poucos segundos
para as tias visitarem.
Hoje na distância do tempo
estamos no Vale do Aço,
paisagem árida
e um calor escaldante,
passa o Rio Piracicaba com
suas águas turvas
que seguem mansamente
seu percuso.
Da janela do vagão executivo
aprecio a paissagem
com montanhas majestosas ao longe
e naquele embalo
fecho os olhos e como
magia ouço
o doce barulho
da grande máquina
subindo a serra num ritmo
gracioso e
me vem na lembrança
a infância querida
da ¨ Maria Fumaça¨
emitindo aquele som
café com pão...
café com pão...

Luiza Helena G. V. Terra


Envie essa Página  

 

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys

Tube Kara 2601