vaga lua te escondes
entre as trevas do céu
perdida neste espaço
como numa cascata de versos

és nobre em teus pensamentos
que alguns costumam ouvir
teu porte atrai os lobos
que te louvam

as mulheres que creem
em teus poderes
em rituais os celebram
o poeta segue teus mandamentos
no poema que alerta

sei que és tímida
lá sob a tua glória
teu canto sussurrante
perpassa a negra floresta

traz em si a magia
dos tempos pagãos
em que homem e mulher
fertilizavam a terra
plantavam suas sementes
que traziam dentro de si

Abilio Terra Junior
21/08/2012


[Menu] [Voltar]

Envie essa Página  

 

 

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:CrysJuan