ontem a minha filha
com simplicidade
me apontou a vastidão do mundo
e como a luz se espalha
em infinitos pontos
e vasculha a escuridão

de como esconde sua coragem
de uma forma a não ser vista
ela ampliou meus horizontes
como os antigos navegadores
e mostrou-me uma bússola
que eu nem sabia que existia

ampliou meus conceitos
com calma e certeza
e me fez perder o medo
o medo de viver

de repente a luz estava
em todos os meus poros
irradiada por ela
com naturalidade

me fez esbarrar em meu próprio ímpeto
e na coragem que é a loucura
própria dos homens
mostrou-me a família
e de como participo dela
em todos os momentos
mesmo que não o saiba

vasculhou a vida e a morte
que eu pensava que conseguira
mostrou-me o sentido inerente
que eu pensara aprender nos livros
percorreu itinerários que eu desconhecia
fora da gruta cega
em que eu me metera

mostrou-me a responsabilidade da palavra
da minha palavra
e de cada ato que eu perdera
aparentemente

e de como o amor palpita
ainda que debaixo de escombros
que das cinzas da dor
nasce a ave fênix
da alma que soçobrara
no torvelinho das desilusões
das perdas em um mundo
que volteia sobre si mesmo
sem rumo no espaço e no tempo
da escuridão

Abilio Terra Junior
05/11/2009

 


[Menu] [Voltar]

Envie essa Página  

 

 


Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys