nunca sei qual o momento
de voltar ao passado
de me encontrar amargo
ao reviver cada instante

este é o meu sentimento
após muitas noites insones
quem se atreverá
a me declarar desatento

e com meu olhar perdido
vacilo entre tantos olhares
que passam bem ao largo
que se extraviam e se mesclam

tanto escrevi tanto sei
de tudo o que li e compreendi
e no entanto é a vida
a grande aliada e amiga

numa eterna caminhada
que percebo nessa história
que está a se escrever
pelo meu perene instinto

a base de cada luta
que se inscreve
na minha biografia
de autor e discípulo

em cada emoção que sinto
e em envolventes sentimentos
e nos sutis pensamentos
e nos gozosos momentos

aprendi muitas lições
ensinei outras tantas
sei apenas que sou poeta
numa floresta de símbolos

Abilio Terra Junior
23/07/2007


[Menu] [Voltar]

 

Envie essa Página

 

Midi: Andre Gagnon Nocturne

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys