ao entardecer deste dia
encontrei-me atento
às cores da minha alma

que se desdobravam
ora vivas ora opacas
seguindo meus pensamentos
emoções sentimentos

entrecruzavam-se mesclavam-se
juntavam-se todas no branco
para depois se abrirem uma a uma

rodopiavam dançantes
como a se exibirem pra mim
eu sorria

e elas entoavam em coro
veja em nós quem tu és
poeta que vive a cismar

não tenha dúvidas
se esmere no teu poetar

abrace tua alma
beije tua vida
e teus entes queridos

não deixe que as loucuras humanas
afetem o teu bem estar
proteja o mais valioso em ti

Abilio Terra Junior
21/08/2013

 


[Menu] [Voltar]

Envie essa Página  

 

 

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:CrysJuan